Ouça 'Dreams', nova música de Boots com participação (e produção!) de Beyoncé
Ouça 'Dreams', nova música de Boots com participação (e produção!) de Beyoncé
Ouça 'Dreams', nova música de Boots com participação (e produção!) de Beyoncé
Beyoncé é uma das artistas que mais movimentou o mercado fonográfico do Brasil em 2013
Beyoncé é uma das artistas que mais movimentou o mercado fonográfico do Brasil em 2013
Beyoncé é uma das artistas que mais movimentou o mercado fonográfico do Brasil em 2013
Beyoncé e Jay-Z filmam vídeo em deserto, na Califórnia. Veja foto!
Beyoncé e Jay-Z filmam vídeo em deserto, na Califórnia. Veja foto!
Beyoncé e Jay-Z filmam vídeo em deserto, na Califórnia. Veja foto!
Beyoncé e Jay-Z sairão em turnê juntos durante o verão americano, diz The New York Post
Beyoncé e Jay-Z sairão em turnê juntos durante o verão americano, diz The New York Post
Beyoncé e Jay-Z sairão em turnê juntos durante o verão americano, diz The New York Post
Beyoncé sobe ao palco do Coachella Music Festival e dança com Solange Knowles
Beyoncé sobe ao palco do Coachella Music Festival e dança com Solange Knowles
Beyoncé sobe ao palco do Coachella Music Festival e dança com Solange Knowles

The Musical Is Back

Se você procurar bastante, talvez ache alguém que não tenha gostado da performance de Beyoncé na 81ª edição da entrega de prêmios mais importante de Hollywood, os Academy Awards, popularmente conhecidos como “Oscars”.

Tendo já se apresentado na festa em 2005, com três músicas, e em 2007, com mais três, dessa vez a cantora estrelou, ao lado de Hugh Jackman, Amanda Seyfried e Dominic Cooper (Mamma Mia!) e Zac Efron e Vanessa Hudgens (High School Musical) uma homenagem aos musicais mais famosos de todos os tempos.

Com coreografias empolgantes, os atores, também cantores, ou vice-versa, animaram o público com sucessos de Fred Astaire até o recente Mamma Mia.

Os fãs de Beyoncé, muito logicamente, amaram seu brilhante desempenho, mas muitos ainda não tiveram a oportunidade de assistir a todos os musicais.

Tentando ajudar, nós, do Beyoncé Now, preparamos um pequeno artigo, destacando os pontos mais interessantes de cada um dos filmes que foram relembrados na noite do dia 22. Entre nessa viagem musical agora mesmo!

O Picolino (Top Hat) – 1935
No elenco deste musical, estão Fred Astaire e Ginger Rogers, o casal mais querido na América na época. Apesar de não se darem bem na vida pessoal, os dois combinavam na tela, em suas coreografias sapateadas. O filme, de 1935, conta a história de Jerry Travers, um dançarino que vai a Londres para tentar sua carreira artística. Lá, ele conhece Dale, e os dois se apaixonam, dando início a uma sequência de belos números musicais e situação divertidas. Concorreu, em 1936, aos Oscars de Melhor Filme, Melhor Direção de Arte, Melhor Canção (Cheek to Cheek) e Melhor Sequência de Dança. A música que o representou na performance de Beyoncé foi “Top Hat, White Ties and Tails”.
O Mágico de Oz (The Wizard Of Oz) – 1939
Já tendo tido várias versões e inúmeras paródias, O Mágico de Oz é um dos musicais mais conhecidos de Hollywood. Tendo concorrido, em 1940, aos Oscars de Melhor Filme, Melhor Direção de Arte, Melhor Fotografia, Melhores Efeitos Especiais e ganho os de Melhor Trilha Sonora e Melhor Canção Original, o musical é sobre Dorothy, uma garota que é levada por um tornado no Kansas e acaba chegando a uma terra fantástica de bruxas, de leões covardes, de espantalhos falantes e outras criaturas. Imortalizada na voz da, na época, pequena Judy Garland, “Somewhere Over The Rainbow” foi cantada por Beyoncé na apresentação do 81º Oscar, que já havia se apresentado anteriormente com a mesma canção em um outro evento cinematográfico.
Cantando na Chuva (Singing In The Rain) – 1952
Estrelado por Gene Kelly, este é, com certeza, o musical mais famoso de todos os tempos, pois até os mais jovens reconhecem as cenas do ator cantando e dançando na chuva com seu guarda-chuva. Don Lockwood (Gene Kelly) e Lina Lamont (Jean Hagen) são dois dos astros mais famosos da época do cinema mudo em Hollywood e seus filmes são um verdadeiro sucesso de público. Mas uma novidade no mundo cinematográfico chega para mudar totalmente a situação de ambos no mundo da fama: o cinema falado, que logo se torna a nova moda entre os espectadores. Don e Lina, então, precisam superar as dificuldades do novo método de se fazer cinema, para conseguir manter a fama conquistada. “Singing In The Rain” foi rapidamente interpretada por Hugh Jackman, na apresentação dos Oscars.
Amor, Sublime Amor (West Side Story) – 1961
Uma versão “moderna” de Romeu e Julieta, de William Shakespeare, este filme é uma adptação de um musical da Broadway, assim como tantos outros. Indicado ao Oscar de Melhor Roteiro Adaptado e ganhador das categorias de Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Direção de Arte, Melhor Edição, Melhor Figurino, Melhor Fotografia, Melhor Mixagem de Som e Melhor Trilha Sonora, o musical conta a história de Tony e María, dois jovens que se apaixonam mas não podem viver seu amor por conta da rivalidade entre as suas respectivas gangues. Música representante na 81ª edição dos Oscars, “Maria”.
A Noviça Rebelde (The Sound Of Music) – 1965
Baseado na história real da família de cantores Trapp, A Noviça Rebelde é o mais belo musical de todos. Estrelando a ainda moça Julie Andrews, foi indicado aos Oscars de Melhor Atriz, Melhor Direção de Arte, Melhor Fotografia, Melhor Figurino e venceu nas categorias de Melhor Diretor, Melhor Edição, Melhor Trilha Sonora, Melhor Mixagem e Melhor Filme. No fim da década de 1930, quando o nazismo estava prestes a se instaurar na Áustria, a noviça Maria, que vive num convento de Salzburgo, mas não consegue seguir as rígidas normas de conduta das religiosas, vai trabalhar como governanta na casa do capitão Von Trapp, que tem sete filhos, é viúvo e os educa com rigor militar. A chegada da noviça modifica drasticamente a vida da família von Trapp, ao trazer alegria e conquistar o carinho e o respeito das crianças. Uma adptação teatral brasileira está atualmente em cartaz. Durante o ano passado, o papel do Capitão Von Trapp esteve com o ator Herson Capri. “How You Solve a Problem Like Maria?” foi brevemente cantada por Hugh Jackman durante os Oscars 2009.
Sweet Charity – 1969
Estrelado por Shirley McLane, este filme também é uma adptação de um musical da Broadway. Sweet Charity se passa em New York, no final dos anos 60. Charity é uma dançarina de cabaré que sempre acaba se aproximando do homem errado. Depois de algumas desilusões amorosas, pensa em mudar de vida e procura a Associação Cristã de Moços para assistir uma palestra, mas fica presa no elevador ao lado de Oscar Lindquist, que sofre de claustrofobia. Com seu jeito delicado, a dançarina acalma o rapaz, que pede para vê-la novamente. A partir desse momento, sua vida muda de rumo. Foi indicado, em 1970, aos Oscars de Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino e Melhor Trilha Sonora. A adptação teatral brasileira teve Cláudia Raia no papel de Charity, em um espetáculo mega-produzido. Outra curiosidade interessante é que Beyoncé tirou a inspiração para seu clipe Get Me Bodied da cena chamada “The Rich Man’s Frug”, deste mesmo filme. A música cantada na performance foi “Big Spender”.
Jesus Cristo Superstar (Jesus Christ Superstar) – 1973
Por ter sido produzido em 73, este musical tem um “quê” de hippie. Tendo concorrido ao Oscar de Melhor Trilha Sonora, o filme é a versão musical da Paixão de Cristo. Apesar de ter recebido críticas negativas de grupos religioso, o longa teve boa aceitação do público. É um adaptação de uma ópera-rock, que esteve nos palcos de teatro durante bastante tempo. A música que o representou na apresentação dos Oscars de 2009, I Don’t Know How To Love Him, foi apresentada por Beyoncé. A estrela canta somente a frase-título da canção.
Grease (Grease – Nos Tempos da Brilhantina) – 1978
Passado na Califórnia na década de 50, Grease é o musical mais animado e contagiante de todos os tempos. Danny (John Travolta) e Sandy (Olivia Newton-John), um casal de estudantes, trocam juras de amor durante as férias de verão, mas acabam se separando, pois ela volta para seu país natal. Entretanto, os planos mudam e Sandy por acaso se matricula na mesma escola de Danny. Quando os dois se reencontram, Danny finge não gostar de Sandy, somente para manter a pose de durão em sua gangue. O que se segue é uma história de encontros e desencontros do casal. O enredo de Grease é muito similar ao de High School Musical, que veio mais de 20 anos depois do primeiro, e muitas comparações foram feitas entre os dois na época. Grease teve uma continuação, mas, por não ter uma qualidade tão boa quanto o primeiro, foi um fracasso de audiência. Indicado ao Oscar de Melhor Canção. A música representante nos Oscars, You’re The One That I Want, foi cantada por Beyoncé e Hugh Jackman.
Evita – 1996
Evita conta a história de Evita Perón, primeira-dama da Argentina que fez muito pelo seu povo e que é, até hoje, muito querida no país. A escolha de Madonna para interpretá-la causou grande agitação entre os argentinos, que não queriam que a imagem polêmica da cantora fosse misturada com a de sua heroína. O filme, inteiramente musical, também conta com a participação de Antônio Banderas. Indicado aos Oscars de Melhor Direção de Arte, Melhor Fotografia, Melhor Edição e Melhor Mixagem de Som e vencedor de Melhor Música. Beyoncé canta rapidamente um pedaço de “Don’t Cry For Me, Argentina,” durante sua apresentação na 81ª edição dos Oscars.
Moulin Rouge! (Moulin Rouge! – Amor Em Vermelho) – 2001
Depois de anos sem musicais de grande repercussão, Baz Luhrman, diretor de Moulin Rouge, fez o gênero voltar com força total com este filme. Passado em Paris, durante a virada do século XIX para o XX, o longa conta a história de Christian, um jovem poeta recém saído da casa dos pais, que deseja fazer parte da Revolução Boêmia que acontecia na Europa. Ele vai morar no vilarejo de Montmartre, onde se localiza o cabaré mais famoso do mundo – o Moulin Rouge. Lá, ele conhece Satine, uma bela cortesã e se apaixona por ela. Mas esse amor é proibído, e uma série de obstáculos impedirá o casal de permanecer juntos. Considerado o marco para a volta dos musicais a Hollywood, Moulin Rouge! foi indicado aos Oscars de Melhor Atriz, Melhor Fotografia, Melhor Edição, Melhor Maquiagem, Melhor Filme, Melhor Mixagem de Som e ganhou os de Melhor Direção de Arte e Melhor Figurino. Na trilha-sonora, nomes como David Bowie, Madonna, Queen, Paul McCartney, Christina Aguilera, Pink e Bono Vox. A música representante nos Oscars 2009 foi Lady Marmalade, cantada por Beyoncé, Amanda Seyfried e Vanessa Hudgens.
Chicago (Chicago) – 2002
Chicago foi um dos primeiros filmes a participar da nova era de musicais em Hollywood. Contando com um elenco estelar, com as participações de Catherine Zeta-Jones, Renée Zellwegger, Richard Gere e Queen Latifah, conta a história de uma mulher que, após assassinar seu marido, vai presa e é será condenada à morte. Depois de alguns arranjos, ela encontra um jeito de escapar de seu destino e acaba de tornando famosa. Indicado aos Oscars de Melhor Ator Coadjuvante, Melhor Atriz, Melhor Atriz Coadjuvante, Melhor Fotografia, Melhor Diretor, Melhor Música e Melhor Roteiro Adaptado e tendo ganho os de Melhor Atriz Coadjuvante (Catherine Zeta-Jones), Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Edição, Melhor Filme e Melhor Mixagem de Som, Chicago foi um sucesso de público. Beyoncé e Hugh Jackman cantaram “All That Jazz” nos Oscars 2009 e Beyoncé se inspirou na cena “Cell Block Tango” para criar a introdução de “Ring The Alarm” na sua tunê The Beyoncé Experience.
Dreamgirls (Dreamgirls – Em Busca de Um Sonho) – 2006
Primeiro musical na carreira de Beyoncé, teve sua história baseada em uma produção da Broadway que, por sua vez, foi baseada na vida da cantora Diana Ross e de seu grupo, The Supremes. Dreamgirls foi indicado aos Oscars de Melhor Direção de Arte, Melhor Figurino, Melhor Música (3x), Melhor Ator Coadjuvante, e ganhou os de Melhor Mixagem de Som e Melhor Atriz Coadjuvante. A música cantada por Beyoncé e Hugh Jackman nos Oscars doi One Night Only, também interpretada por Beyoncé na trilha sonora do filme.
Hairspray (Hairspray – Em Busca da Fama) – 2007
Outra adptação da Broadway, Hairspray conta a história de uma garota um pouco acima do peso que sonha em alcançar a fama. A história se torna um pouco mais densa quando o preconceito passa a ser um dos temas discutidos no longa. Com grande elenco, incluindo John Travolta, Michelle Pfeiffer, Christopher Walken, Zac Efron, Queen Latifah e Amanda Bynes, não foi indicado a nenhum Academy Award, ficando abaixo das expectativas que havia criado. “You Can’t Stop The Beat” foi a música representante na 81ª edição dos Oscars.
High School Musical 3 – 2008
HSM 3 é a segunda continuação do sucesso de 2006, o musical adolescente High School Musical. Com história muito similar a de Grease, o filme da Disney foi febre entre crianças e jovens do mundo todo nos últimos 3 anos. Este terceiro filme foi o único da franquia a ter exibição nos cinemas de todo o mundo. “Last Chance” foi a música representante nos Oscars 2009, cantada pelos próprios Zac Efron e Vanessa Hudgens, que interpretam o casal principal, Troy e Gabriella e são namorados na vida real.
Cadillac Records – 2008
Cadillac Records, o segundo musical de Beyoncé, conta a história da gravadora de discos Chess Records e de seu dono. Apesar da cantora aparecer somente no final do filme, interpretando Etta James, ela apresenta uma considerável melhora na sua atuação quanto aos filmes anteriores. Ao contrário das expectativas, Cadillac Records não teve nenhum indicação aos Oscars, mas também foi lembrado na recente performance de Beyoncé, onde ela cantou At Last, que, infelizmente, não figurou entre as indicadas ao Oscar em 2009 por não ser uma música feita especialmente para o musical.
Mamma Mia! (Mamma Mia!) – 2008
Uma das peças de maior sucesso do mundo todo finalmente ganha sua versão em 2008, 9 anos depois de sua estréia nos teatros londrinos. Sophie vai se casar, mas não sabe quem é seu pai. Isso a incomoda, mas quando ela acha o diário que a mãe mantinha quando era mais nova e descobre que ela tem três possíveis pais, ela fará de tudo para saber sua verdadeira identidade. Com a atuação brilhante de Meryl Streep, Mamma Mia! conseguiu bater o recorde de bilheteria de Titanic (1998) no Reino Unido. O mais interessante sobre esse musical, tanto o filme como a peça, é que todas as canções apresentadas durante a história são músicas do grupo pop sueco Abba, que fez muito sucesso durantes os anos 1970, interpretada pelos próprios atores. A música cantada na 81ª edição dos Oscars foi a canção título, Mamma Mia.
Bibliografia:

http://pt.wikipedia.org/wiki/Sweet_Charity
http://www.imdb.com/title/tt0027125/
http://www.imdb.com/title/tt0065054/awards
http://www1.folha.uol.com.br/folha/ilustrada/ult90u64310.shtml
http://pt.wikipedia.org/wiki/West_Side_Story
http://www.imdb.com/title/tt0055614/
http://www.imdb.com/title/tt0032138/
http://en.wikipedia.org/wiki/The_Wizard_of_Oz_(1939_film)
http://pt.wikipedia.org/wiki/The_Wizard_of_Oz_(1939)
http://pt.wikipedia.org/wiki/Singin%27_in_the_Rain
http://www.imdb.com/title/tt0045152/awards
http://pt.wikipedia.org/wiki/The_Sound_of_Music
http://www.imdb.com/title/tt0059742/awards

http://en.wikipedia.org/wiki/Jesus_Christ_Superstar_(film)
http://www.imdb.com/title/tt0070239/awards
http://www.imdb.com/title/tt0077631/awards
http://www.imdb.com/title/tt0116250/awards
http://www.imdb.com/title/tt0203009/awards
http://www.imdb.com/title/tt0299658/awards
http://www.imdb.com/title/tt0443489/awards
http://www.imdb.com/title/tt0427327/awards
http://pt.wikipedia.org/wiki/High_School_Musical
http://www.imdb.com/title/tt1042877/

Como disse Hugh Jackman ao fim da performance, the musical is back!
Escrito por Roberta Lessa
Mais artigos deste colunista:

001. Oh Listen! [conferir]
002. I’ll Be Damned [conferir]
003. Beyoncé Vota? [conferir]
004. Os ídolos de Beyoncé [conferir]
005. The Musical Is Back [conferir]
006. Inspiração e recriação: o velho faz o novo! [conferir]

One comment on “The Musical Is Back

  1. Pingback: The Musical Is Back | BEYONCENOW.NET • 'Cause you NEED it, and you need it NOW;

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>

DISCLAIMER

Nós não somos Beyoncé nem temos nenhum contato com sua equipe. Nosso site foi criado por fãs e é atualizado por fãs. Não temos a intenção de violar nenhum direito autoral. Então, caso qualquer conteúdo presente aqui pertença a você, escreva-nos através do nosso formulário de contato.

Online desde 09/09/2006.

SUPPORT BEYONCÉ


PUBLICIDADE