Home Biografia, letras, curiosidades e mais Videografia Videografia: Telephone

Videografia: Telephone

Criação
O vídeo foi filmado no dia 28 de janeiro de 2010 e dirigido por Jonas Åkerlund. Fotos dos bastidores foram divulgadas na Internet antes do lançamento do clipe: elas mostravam Gaga e Beyoncé dentro de um carro chamado “Pussy Wagon”, que esteve presente no filme Kill Bill, de 2003, dirigido por Quentin Tarantino.

Os figurinos do vídeo são dos designers Frank Fernández e Oscar Olima.

O cantor Tyrese Gibson faz uma participação especial no clipe, interpretando o homem assassinado pela dupla de popstars. A banda Semi Precious Weapons também faz uma aparição no vídeo.

Lady Gaga falou sobre o vídeo numa entrevista ao site E! Online:

“Paparazzi” é um vídeo muito bom, porque mostra elementos da cultura pop e também fala sobre a fama. Eu queria fazer a mesma coisa nesse vídeo. Telephone é sim inspirado no trabalho de Quentin Tarantino, e ele esteve diretamente envolvido quando me emprestou o Pussy Wagon. Nós estávamos almoçando juntos em Nova York e eu falei sobre as minhas ideias para o vídeo para ele, e ele gostou tanto que disse “Você tem que usar o Pussy Wagon!”

No dia 5 de fevereiro de 2010, Gaga foi entrevistada também por Ryan Seacrest, na KIIS-FM. Ela disse: “O que eu gosto nesse vídeo é que ele é um evento pop e, quando eu era mais nova, ficava muito empolgada quando eventos como esse aconteciam.”

Desenvolvimento
O vídeo de Telephone tem pouco mais de nove minutos e é uma continuação de “Paparazzi”, no qual Lady Gaga foi presa por envenenar seu namorado. Ela é levada a uma prisão feminina onde é jogada em uma cela por duas guardas, que tiram seu vestido listrado e a deixam nua. Uma delas comenta “eu te disse que ela não tinha um

pinto,” se referindo aos rumores que circularam na mídia real que Gaga seria hermafrodita. Por três minutos, o vídeo mostra a rotina de Gaga na prisão – beijando outra prisioneira, usando óculos escuros feitos de cigarros e assistindo a uma briga de presidiárias. A irmã de Lady Gaga, Natali Germanotta, faz uma participação nessa parte do vídeo, como uma prisioneira. O telefone da prisão toca e Lady Gaga atende: é Beyoncé, e Gaga começa a cantar a música. Ela canta o primeiro verso e o refrão dentro da cela e no corredor do presídio, dançando. A bridge da música chega e podemos ver Gaga vestida apenas com a famosa fita policial amarela de “Cuidado”.

Gaga é solta e sai da prisão para encontrar Beyoncé no “Pussy Wagon”. Gaga chama Beyoncé de “Honey Bee”, uma referência à personagem Honey Bunny do filme “Pulp Fiction” (1994), de Tarantino. Elas conversam:

Beyoncé: You’ve been a very bad girl. A very, very, bad, bad girl, Gaga.
Lady Gaga: Uhum, Honey Bee. Sure you wanna do this, Honey Bee?
Beyoncé: What do you mean “am I sure”?
Lady Gaga: You know what they say… “Once you kill a cow, you gotta make a burger”
Beyoncé: You know, Gaga? Trust is like a mirror: you can fix it if it’s broken.
Lady Gaga: But you can still see the crack in the motherfucker’s reflection.

(This is radio KUK, this is Lady Gaga featuring Beyoncé, it’s Telephone)

Beyoncé: Você tem sido uma garota muito má. Uma garota, muito, muito má, Gaga.
Lady Gaga: Aham, Honey Bee. Tem certeza de que quer fazer isso, Honey Bee?
Beyoncé: Como assim se eu tenho certeza?
Lady Gaga: Você sabe o ditado… “Uma vez que se mata a vaca, deve-se fazer o hamburger”
Beyoncé: Sabe, Gaga? A confiança é como um espelho: você pode consertar se quebrar.
Lady Gaga: Mas ainda assim dá pra ver a rachadura no reflexo do filho da p***.

(Essa é a rádio KUK, com Lady Gaga e Beyoncé em Telephone)

As duas continuam a dirigir pelo deserto até parar em uma lanchonete. Beyoncé se senta em frente ao personagem de Gibson, mas se cansa das grosserias do parceiro e põe veneno em sua bebida. O veneno não surte efeito, e ele não morre, se engasgando apenas. Nesse momento, o vídeo entra numa sequência chamada “Vamos Fazer um Sanduíche”. Gaga está na cozinha da lanchonete, usando um telefone em sua cabeça, enquanto os dançarinos fazem a coreografia atrás dela, segurando acessórios de cozinha.

Ela então começa a preparar os lanches que vai servir na lanchonete e coloca veneno neles.

Cozinhe e Mate
Receita
1 oz. de Veneno de Rato
1/2 oz. de Meta Cianídio
1/2 ox. de Fex-M3
1 xícara de Tiberium

Agite e sacuda

Curiosidade
Os três últimos venenos citados na receita tem as seguintes origens:

– Meta-Cianeto: da série de livros de Frank Herbert “Duna”

– Fex-M3: da série de filmes “Star Wars”

– Tiberium: do jogo Command and Conquest

Lady Gaga serve os lanches e todos no estabelecimento morrem.

Gaga e Beyoncé, então, fazem mais uma sequência de dança, vestindo figurinos com imagens da bandeira americana. Elas partem no “Pussy Wagon” e viajam por uma estrada enquanto um repórter interpretado por Jai Rodriguez dá a notícia dos assassinatos. A última cena mostra as duas viajando pelo deserto com sirenes de polícia tocando ao fundo. O vídeo termina com a escrita “Continua” na tela.

Lançamento e recepção
No dia 15 de fevereiro de 2010, três imagens do vídeo foram postadas no site oficial de Lady Gaga. Elas mostravam três cenas diferentes: a da cozinha da lanchonete, com Gaga com o telefone na cabeça, a da sequência de dança final e outra imagem do chapéu de telefone. Inicialmente, o vídeo seria lançado em fevereiro de 2010, mas foi adiado para março. No dia 9 de março, mais imagens do vídeo foram publicadas na internet. O vídeo estreou no E! News e no Vevo.com no dia 11 de março.

James Montgomery, da MTV, comentou: “Com Telephone, Gaga entro na estratosfera pop, ao lado de Madonna e Michael Jackson.” Matt Donnelly, do LA Times, escreveu que o vídeo de Telephone é “uma festa visual, cheia de moda, luta de garotas, comida envenenada, muitos chápeus e cheio de divindade de Gaga.” Amy Odell, da revista New York, disse que “Esse é um vídeo da Gaga, mas Beyoncé é a melhor parte: ela mostra seu lado raivoso e louco que nós não conhecíamos.” Monica Herrara, da Billboard, escreveu: “O vídeo vai além da moda passageira… ele é cheio de intrigas, brigas, amassos, envenenamentos e roupas que mostram bastante pele.” Tanner Stransky, da Entertainment Weekly, comentou: “É tão bom quando o épico Bad Romance? Infelizmente, acho que não. Mas é melhor que qualquer outra coisa.”

No dia 3 de agosto de 2010, o vídeor recebeu três indicações aos MTV Video Music Awards 2010, nas categorias Melhor Coreografia, Vídeo do Ano e Melhor Colaboração, ganhando o último deles e perdendo o primeiro para “Bad Romance”, também de Lady Gaga. Em maio de 2011, Gaga disse estar insatisfeita com o vídeo em uma entrevista à revista Time Out, dizendo: “Eu nem consigo assistir ao vídeo de Telephone, o odeio muito. Beyoncé e eu estamos ótimas juntas, mas há tantas ideias no vídeo e meu cerébro fica confuso e eu queria ter o editado eu mesma.”

Traduzido, adptado e complementado de http://en.wikipedia.org/wiki/Telephone_(song).

Nome: Telephone
Álbum: The Fame Monster – Lady Gaga
Ano: 2010
Direção: Jonas Åkerlund
Estréia: 11 de março de 2010
Captures: clique aqui para ver imagens do vídeo.